Herança Perdida

Joana Bragança

Resumo


Resumo: O azulejo é utilizado há muitos séculos como suporte artístico de grande criatividade, é parte integrante do património cultural e urge por isso preservá-lo. A delapidação de azulejos é um tema atual e de grandes preocupações e a proteção destes bens é da responsabilidade de todos. A sua destruição é uma perda irreparável para a humanidade e acarreta um corte no conhecimento já que contribui para a compreensão da história da sociedade que os produziu. Não são apenas peças de arte, são histórias, culturas, memórias que se perdem e que a todos nós pertencem e identificam, é um património emperigo que deve ser salvaguardado para que seja legado às futuras gerações. Todos devemos e temos a obrigação de estar atentos, agindo preventivamente pois por cada peça que desaparece o país fica mais pobre. Ao conhecermos compreendemos, e se aprendermos a gostar vamos querer proteger porque só quem conhece cuida, estima e conserva. Abstract: Azulejos are used from many centuries in Portugal has an artistic support of great creativity and are a fundamental part of a heritage that is essential to preserve. The continuous damage of azulejos is acurrent concern and the protection of this heritage is our collective responsibility. This destruction is indubitably an irreparable loss for Portuguese culture and also for all mankind. Azulejos should be viewedas a vehicle of knowledge, because they are an important aspect for the understanding of the society that was responsible for their creation. These are not only artistic objects but Historical and Cultural manifestations, memories that we are losing but belong to us all. As an endangered patrimony azulejos must be preserved as a legacy for future generations. We should and must be alert, acting preventively because has each piece is lost the country becomes poorer. When we know we can understand. If we learn to like we will have the drive to protect. Only those who know care, cherish and preserve.

Texto Completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

ISSN 2183-0703. Revista do Instituto de História da Arte - Centro de Investigação. Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa